18 dezembro 2012

Lembranças de Natal...



Por Rosa Maria Fristsch Feijó


Hoje tenho muitas lembranças com o Natal... 

Lembro de minha mãe costurando, em sua velha máquina de pedal e correias, um vestido para mim e outro para minha irmã, pois não podíamos comprar vestidos prontos. 

Depois ela nos levava para comprarmos uma sandalhinha ou chinelinho em uma loja que existia em frente ao Hospital das Clínicas, era o próprio dono que nos atendia e após a compra anotava em um caderninho, a lápis, quanto devíamos. 

Em outro dia nossa mãe nos levava para comprarmos um brinquedo na loja Americanas na Rua da Praia. Eu adorava ir e comer de lanche um cachorro quente delicioso que tinha nesta loja, era simples, só com o pãozinho, que hoje não se encontra mais, a salchicha tostada na chapa e mostarda escura. Não se chamava cachorrão, dogão ou qualquer outro ão de hoje. Que saudade deste gosto da minha infância! 

Lembro da noite de Natal, quando cada um colocava a roupa nova e íamos para a mesa nos deliciarmos com a comida simples, caseira e com os doces, que minha mãe preparava com todo o carinho, a ambrosia, pudim de leite, doce de abóbora em calda ou uma torta de leite condensado com abacaxí. 

Lembro de todos em volta da mesa, meu pai, a mãe, minha irmã, meu irmão e eu. Hoje com a falta de meu pai e meu irmão, que já partiram antes do combinado, vejo que a felicidade é feita de momentos que muitas vezes não valorizamos. 

Após a ceia era a hora de sentarmos em volta da árvore de natal e vermos os presentinhos. A mãe sempre dava um jeitinho de recebermos aquele que tínhamos comprado e mais um de surpresa.

Então saíamos para a frente de casa, felizes, para mostrarmos o brinquedo novo e brincar com as outras crianças da rua, aproveitando a linda noite de verão. 

Quanta saudade deste tempo que brincávamos na rua sem maiores preocupações com assalto, sequestro de criança, violência de toda ordem. Sapata, pular corda, ciranda de roda ou apenas conversar, até a mãe surgir na janela chamando para entrarmos uma, duas e na terceira vez, quase sempre, mostrava o chinelo. 

Enfim chegou o dia de prestar vestibular lá pelo ano de 1977. 

Neste ano foi criada a Prova de Redação no vestibular da UFRGS. Durante o cursinho pré-vestibular nos prepararam para escrevermos sobre os mais variados assuntos, que não recordo, mas da surpresa que tive quando recebi a prova lembro muito bem. 

O tema da primeira Prova de Redação em vestibulares era o Natal ! 

Da minha nota, nesta prova, não lembro, mas passei no vestibular e com a ajuda do Natal ! 

Devemos aproveitar cada momento precioso de felicidade, pois eles jamais voltarão. 

Feliz Natal !




Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
"