06 fevereiro 2015

Trabalhador da Petrobras defende a empresa





Em entrevista ao Jornal da Record News, João Antônio de Moraes, ex-coordenador nacional da Federação Única dos Trabalhadores (FUP), afirmou que o regime de partilha, adotado no governo Lula para exploração do pré-sal, contraria interesses de empresas multinacionais e do PSDB.

Ao criticar a cobertura dada pela imprensa à operação Lava-Jato, ele reforçou a importância da Petrobras no desenvolvimento do Brasil.

“Quais são os interesses que estão por trás de esconder os imensos resultados operacionais?”, questionou, para completar: “Nós somos 85 mil trabalhadores e a movimentação (da operação Lava Jato) tem levado a redução de atividades”

Na entrevista, João Antonio alertou para o risco da operação paralizar o país.

“O Regime de partilha, que dá maior soberania ao povo brasileiro, introduziu o conteudo local. Em 2002, cerca de 2 mil metalurgicos empregados nos estaleiros. Em 2014, 85 mil trabalhadores nos estaleiros”, contou.

“A grande imprensa brasileira não mostrou que a Petrobras é a maior empresa produtora de petróleo do mundo”, finalizou.




Postado no blog Conversa Afiada em 05/02/2015














A Petrobras está falida? 

Só mesmo a " Grande Imprensa " brasileira, que tem interesses e negócios próprios,  para espalhar uma mentira assim !

Você acredita nos jornais, revistas, portais de internet, tvs e rádios que pertencem a algumas famílias da elite brasileira?

Cuidado para não ser mais um 
" inocente útil "  manipulado 24 horas por dia !


Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
"