30 setembro 2015

Como lidar com pessoas negativas




Sthephanie Gomes

Você pode até dizer que não se importa com as pessoas à sua volta, que gosta mesmo é de ficar sozinho e que os outros não afetam em nada a sua vida, mas a verdade é que a qualidade dos nossos relacionamentos tem relação direta com a nossa qualidade de vida.

Sim, as pessoas com quem você convive afetam quem você é, como se sente e como vive. Elas não têm o poder de te controlar e fazer suas escolhas, mas muito do que você aprende no dia a dia, as habilidades e características que desenvolve, as atividades que faz, as emoções que sente, as conversas que participa e o seu jeito de agir sofrem influência das pessoas com quem você passa mais tempo.

É por isso que viver rodeado de pessoas positivas nos faz tão bem, e também por isso que algumas pessoas nos deixam estressados e sem energia apenas por estarem presentes.

Todo mundo já conviveu, convive ou um dia vai ter que conviver com alguém que não transmite tantas coisas boas, ou que é “de lua” e difícil de lidar. Um chefe, alguém da família, um vizinho, um colega de trabalho ou até um amigo próximo de quem você gosta muito.

Nem sempre são pessoas ruins ou pessoas que querem fazer mal aos outros. Em alguns casos são apenas pessoas que se sentem desorientadas e agem de forma negativa para se protegerem. Talvez elas não saibam que existe outro caminho.

De forma consciente ou não, boa parte das pessoas negativas lutam insistentemente para incluir os outros em sua negatividade. Por isso não é fácil lidar com elas e não se deixar ser afetado.

Seria fácil resolver essa questão se não tivéssemos compromissos, obrigações e sentimentos que nos ligam a essas pessoas, era só mandá-las embora da nossa vida e pronto. 

Mas nem sempre podemos (ou queremos) simplesmente nos afastar delas. Nestes casos, a solução é ter consciência do que realmente significa essa negatividade, se proteger emocionalmente e agir da melhor forma possível para que elas não estraguem seus dias ou atrapalhem sua vida.

Quero compartilhar com vocês algumas formas de agir que aprendi convivendo com pessoas complicadas:

Antes de mais nada, veja se você mesmo não tem sido uma pessoa negativa e difícil de lidar. É fácil apontar o erro dos outros, mas resistimos em perceber o mesmo erro em nós mesmos. Talvez você não seja uma pessoa difícil ou extremamente negativa, mas tenha algumas atitudes que pode mudar para melhor. Comece por aí.

Lembre-se: as pessoas oferecem aos outros aquilo que têm dentro de si. O que elas demonstram e a forma como tratam os outros é exatamente a forma como se sentem e tratam a si mesmas. Não se culpe pelo mau humor e negatividade alheia, porque na maioria das vezes o problema está no interior da pessoa, não no exterior ou em você. Muitas vezes não há nada que você possa fazer para resolver esse problema, mas pode ajudar a pessoa a despertar coisas boas.

Então, incentive o outro a ver a vida por outro lado. Pode ser que essa pessoa tenha criado o hábito de reclamar, se irritar facilmente e falar sobre coisas ruins, e nunca imaginou que poderia ser diferente. Tente dar pequenos “toques” para ajudá-la a mudar de energia. Introduza assuntos positivos e compartilhe coisas que você aprendeu para ser uma pessoa mais calma e positiva. Retribua o mal com o bem. Nem sempre funciona, mas principalmente se é alguém que você gosta, vale a pena tentar.

Se a pessoa negativa for alguém da sua família ou uma pessoa de quem você não quer se afastar, o importante então é você ter consciência de que aquela pessoa é assim, entender que não é com você e aceitar isso sem absorver aquela energia. Lembre-se que você sabe que ela tem esse problema com ela mesma e tente não se sentir atacado ou provocado. Esse entendimento sobre o outro é fundamental para você lidar bem com uma pessoa que tem um comportamento negativo.

Imagine-se dentro de uma camada de proteção. Imagine uma luz branca, uma redoma ou uma bolha em volta de si que não deixa a negatividade entrar. Esse exercício de visualização vai ajudar você a se sentir protegido da energia negativa quando ela estiver sendo lançada a você.

Não entre no jogo. Algumas pessoas infelizmente vêem prazer em brigar, acham que a única forma de resolver problemas é na base da grosseria e querem colocar você dentro do jogo delas. Não reaja da mesma forma. Seja positivo, ou ao menos neutro. Não dê corda, porque muitas vezes tudo o que o outro quer é não ter que se enfocar sozinho, então faz tudo o que pode para te convencer a se enforcar junto dele.

Encontre formas de responder sem usar a mesma atitude da pessoa. Minha estratégia é nunca discutir. Eu evito muitas discussões deixando de lado a minha vontade de provar que estou certa, concordando de forma indiferente. Percebo que, quando faço isso, as pessoas briguentas geralmente não gostam, por isso acabam desistindo de me colocar no jogo delas.

Ignore o que pessoas negativas falam sobre você. Pode até não ser por maldade, mas pessoas negativas querem sempre colocar o outro no mesmo estado em que estão e para isso usam comentários depreciativos e críticas. Tenha consciência disso quando ouvir algum comentário ruim sobre você vindo dessas pessoas e saiba que eles são muito mais baseados na vontade da pessoa de te diminuir do que na forma como elas te vêem de verdade. 

Pessoas com baixa autoestima tentam diminuir a sua autoestima porque acham que isso vai aumentar a delas. Pessoas que não acreditam em seus sonhos vão querer fazer você não acreditar nos seus. Se quiser pedir a opinião de alguém, peça para pessoas que te incentivam a ir para frente.
“Pagar na mesma moeda significa se colocar no nível da crítica humilhante e tornar-se uno com a atmosfera negativa do outro.” – Livro O Poder do Subconsciente
Inclua mais pessoas positivas em seu círculo de relacionamentos. Se a maioria das pessoas com quem convive é negativa, talvez exista algo que você mesmo precisa mudar. Será que você está atraindo esse tipo de pessoa através de atitudes, pensamentos ou jeito de agir? 

Seja a pessoa que você quer ter por perto e busque por amizades e relacionamentos com quem te faz bem. Quando encontrar pessoas assim, mantenha-as por perto. Aproveite seu tempo livre com pessoas alegres, animadas e motivadas.

Se uma pessoa complicada já fez parte da sua vida algum dia, não guarde rancor dela. Por mais difícil que seja, pessoas difíceis nos ensinam muitas coisas e nos ajudam a crescer e nos tornar pessoas mais fortes.

Se tal pessoa não tivesse passado por sua vida e te atormentado por algum tempo, talvez você não saberia muitas coisas que sabe hoje, ou não teria desenvolvido habilidades que desenvolveu graças à insistência dela. Agradeça pelo aprendizado que elas te proporcionaram e deixe o que passou no passado.


Postado no Desassossegada


Nenhum comentário :

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
"