14 março 2014

Plantas medicinais para colorir seu jardim


Jardim de plantas medicinais


Aloe Vera


O aloe vera cresce apenas sob o sol com solo seco ou úmido bem drenado. Embora a planta tenha um gosto característico ruim, ainda é comestível. A seiva de aloe vera é extremamente útil para acelerar a cura e reduzir o risco de infecções por :

feridas
cortes
queimaduras
eczema
redução de inflamação

Para além da sua utilização na parte externa na pele, o aloe vera também é ótimo no tratamento de :

colite ulcerativa ( suco de aloe vera )
constipação crônica
falta de apetite
problemas digestivos


Marsh Mallow


A raiz do marshmallow é excelente para tratar:

inflamações e irritações das mucosas urinárias e respiratórias
combater o excesso de ácido do estômago
ulceração péptica
gastrite
contusões
entorses
dores musculares
picadas de insetos
inflamações da pele

As folhas são comestíveis , ao contrário do aloé vera. Eles podem ser adicionados em saladas, cozidos ou fritos. Ele é conhecido por ajudar na área de cistite e micção freqüente.


Grande Bardana ou Carrapicho-Grande


Ele requer solo úmido e pode crescer na sombra. O carrapicho-grande é bastante famoso na área de desintoxicação, tanto na medicina tradicional chinesa e ocidental. A raiz é usada para tratar a "sobrecarga tóxica " que resultam em infecções de garganta e doenças de pele , como: 

erupções
queimaduras
contusões
herpes
eczema
acne
impetigo
micose
mordidas de animais

As folhas e sementes, podem ser esmagadas para fazer cataplasma e colocar nas contusões, queimaduras, úlceras e feridas.


Calêndula 


Ela cresce em quase qualquer tipo de condição do solo. Não tem nenhum problema com solos nutricionalmentes pobres, muito ácido ou muito alcalinos, mas desde desde que seja úmido. Bem conhecido como um remédio para problemas de pele, a calêndula é aplicada externamente para :

mordidas
picadas
entorses
feridas
dor nos olhos
varizes

Internamente é usado para tratar febres e infecções crônicas. O chá das pétalas tonifica a circulação e se tomado regularmente, alivia, as varizes. Se aplicar as hastes da calêndula esmagadas em calos e verrugas, em breve eles desaparecerão.


Camomila


Com uma fragrância doce, frutado e herbáceo, tem sido utilizada medicinalmente como um remédio para problemas relacionados com o sistema digestivo. Tem um efeito calmante e relaxante na área de aromaterapia, usado para acabar com o estresse e ajudar no sono. Toda a erva é usada para tratar dores comuns, como dor de dente, dor de ouvido, dor no ombro e neuralgia.


Alcachofra


Uma planta de sabor amargo, que requer uma grande quantidade de sol, a alcachofra tornou-se importante como uma erva medicinal nos últimos anos após a descoberta da cinarina. As folhas devem ser colhidas antes da floração e ajudam a:

melhorar a função hepática e da vesícula biliar
estimular a secreção dos sucos digestivos
manter os níveis mais baixos de colesterol no sangue
o tratamento de doenças do fígado e da vesícula biliar crônicas
icterícia
hepatite
estágios iniciais de diabetes de início tardio


Ginseng siberiano


O ginseng siberiano tem uma ampla gama de benefícios para a saúde, principalmente como uma poderosa erva tônica que mantém a saúde equilibrada. As suas propriedades medicinais são utilizadas para:

Problemas na menopausa
debilidade geriátrica
estresse físico e mental
tratar supressão da medula óssea causada por quimioterapia ou radioterapia
angina
hipercolesterolemia e neurastenia com dor de cabeça
insônia
falta de apetite
aumento da resistência
melhoria da memória
efeitos anti – inflamatórios
efeitos imunogênicos
fins quimioprotetores
proteção radiológica


Tea Tree ( Melaleuca)


Os aborígenes utilizam as folhas da árvore do chá para fins medicinais , como mastigar folhas novas e frescas para aliviar dores de cabeça. É usado também como um curativo e seus ramos também são usados como uma esteira de dormir como material construção, como uma capa de chuva descartável e para calcamento de buracos em canoas.

As folhas e galhos, feitas em óleo da árvore e chá, é anti fúngica, antibacteriana, anti-séptico e merece um lugar em sua caixa de primeiros socorros e no seu jardim! O óleo da árvore e chá pode ser utilizado no tratamento de:

cistite
febre glandular
síndrome da fadiga crônica
sapinho
infecções vaginais
acne
tricofitia
verrugas
picadas de insetos
feridas
pequenas queimaduras


erva-cidreira


Muito frequente e utilizada no Brasil. A razão pela qual a planta é chamada de erva-cidreira é por causa do cheiro de limão hortelã que exala das folhas. As flores , que aparecem durante o verão, estão cheias de néctar. As folhas trituradas , quando esfregadas sobre a pele, são utilizados como :

repelente de mosquitos
herpes
gota
picadas de insetos

A infusão das folhas com água, (chás) são conhecidos para o tratamento de :

constipações
febres
indigestão , devido à tensão nervosa
problemas digestivos em crianças
hipertireoidismo
depressão
insônia leve
dores de cabeça


Hortelã-pimenta


O hortelã–pimenta é considerado como "a medicina mais antiga do mundo ", com evidências arqueológicas de colocar o seu uso, pelo menos, há mais de 10 mil anos atrás. Eles são naturalmente ricos em manganês, vitamina A e vitamina C. As folhas esmagadas esfregadas na pele, ajudam a acalmar e relaxar os músculos. As folhas de hortelã em chás , são utilizados para :

reduzir a síndrome pavilhão irritável
problemas estomacais
inibir o crescimento bacteriano
tratar febres
flatulência
cólon espástico


Prímula


As raízes jovens podem ser comidas como um vegetal ou os brotos pode ser consumidos em uma salada. As raízes podem ser aplicadas em contusões. O chá das raízes têm também sido utilizado no tratamento da obesidade e dores intestinais. No entanto, as peças mais valiosas são as folhas e cascas, que são feitas em óleo de prímula, conhecido para o tratamento de:

esclerose múltipla
tensão pré-menstrual
hiperatividade
eczema
acne
unhas quebradiças
artrite reumatoide
danos hepáticos relacionados com o álcool


Ginseng


Um dos medicamentos mais conceituados no oriente, o ginseng é respeitável em sua capacidade de promover a saúde, vigor geral do corpo e prolongar a vida. As raízes são usadas para:

estimular e relaxar o sistema nervoso
estimular a secreção de hormônios
melhorar a resistência
níveis mais baixos de açúcar no sangue
acalmar e baixar os níveis de colesterol
aumentar a resistência a doenças
tratar debilidade associada à idade avançada
tratar falta de apetite
tratar a insônia


Turquia ruibarbo


Conhecido principalmente pelo seu efeito positivo e equilíbrio sobre o sistema digestivo como um todo. As raízes funcionam como um tônico adstringente para o sistema digestivo, enquanto doses maiores podem ser utilizados como laxantes. Além disso, também é conhecida para o tratamento de:

constipação crônica
diarreia
queixas do fígado e da vesícula biliar
hemorroidas
problemas menstruais
erupções na pele, devido à acumulação de toxina


Sálvia


Sálvia, o nome latino significa " curar ". Internamente, é utilizado para:

indigestão
flatulência
queixas do fígado
lactação excessiva
transpiração excessiva
salivação excessiva
ansiedade
depressão
esterilidade feminina
Problemas na menopausa 

Por outro lado, ele é usado externamente para: 

picadas de insetos
infecções da pele
infecções de garganta
infecções da boca
infecções na gengiva
infecções da pele
corrimento vaginal


Thistle de leite (Erva do Leite)


Ele protege e melhora a função do fígado. Tomadas internamente, a erva do leite ajuda a tratar:

doenças do fígado e da vesícula biliar
icterícia
hepatite (inflamação do fígado)
envenenamento
níveis elevados de colesterol
resistência à insulina em pessoas com diabetes tipo 2, que também têm cirrose
o crescimento de células cancerosas em cancros da mama, do colo do útero e da próstata
os efeitos de uma ressaca


Confrei


Confrei contém alantoína, um proliferante celular que acelera a substituição natural de células do corpo. Ele tem a fama de fortalecer os dentes e as propriedades de construção óssea em crianças. Mais seguro para uso externo do que internamente, o confrei é utilizado para tratar uma ampla variedade de doenças, quais sejam:

problemas bronquiais
ossos quebrados
entorses
artrite
úlceras gástricas e varicosas
queimaduras graves
acne
cortes
contusões
entorses
sores
eczema
varizes


Matricária 


Um chá feito a partir de toda a planta é usada no tratamento da artrite, resfriados, febres, etc. É uma planta sedativa e excelente para regular o fluxo menstrual. Uma infusão é usada para banhar os pés inchados. Aplicado externamente como uma tintura, a planta é usada no tratamento de feridas. 


Fenacho (feno grego)


Sementes de feno grego são nutritivas para:

estimular o ganho de peso ( anoréxicos )
inibir o câncer de fígado
níveis mais baixos de colesterol no sangue
tratar a inflamação e úlceras do estômago e dos intestinos
escorrer dutos de suor
para a construção do corpo
para início de diabetes tardia
má digestão
lactação insuficiente
menstruação dolorosa
dores do parto
refrescar o mau hálito
restaurar o paladar


Urtiga


Muito conhecido como um complemento nutritivo para a dieta e como um remédio à base de plantas, as folhas de urtiga têm sido tradicionalmente usados ​​para:

limpar o sangue
tratar a febre dos fenos
artrite e anemia
menstruação excessiva
hemorroidas
reumatismo
problemas de pele como eczema
urticária
catapora
contusões
queimaduras


Agnus Castus



Benéfico para o sistema hormonal feminino, as sementes e frutos do agnus são usados ​​para corrigir os desequilíbrios hormonais causados ​​por um excesso de estrogênio e uma insuficiência de progesterona. Ela age sobre a hipófise, reduzindo a produção de certos hormônios e aumentar a produção de outros, alterando o equilíbrio em favor dos gestagénios, hormônios, que asseguram uma boa gravidez. Assim, ele tem uma vasta aplicação de uso na hipótese de mal funcionamento do sistema reprodutor feminino e tem sido usada com grande efeito em:

restaurar a menstruação ausente
regulação de períodos 
restaurar a fertilidade causada por desequilíbrio hormonal
aliviar a tensão pré-menstrual


Fonte de Pesquisa:  Site Americano Plantas medicinais
Imagens do site Plantas Medicinais
Tradução: Adriana Helena


Postado no blog Vivendo a Vida Bem Feliz em 06/03/2014


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...